Farmácia Escola da Unicentro oferece à comunidade orientação para uso de medicamentos

O acompanhamento farmacoterapêutico integra um conjunto de práticas que busca os melhores resultados da medicação a partir da assistência sobre uso correto dos remédios. E foi pensando em oferecer orientações de forma segura à comunidade que a Farmácia Escola da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro) lançou o projeto de acompanhamento farmacoterapêutico.

A professora Juliana Bonini, uma das coordenadoras da iniciativa, explica que o programa busca diminuir os principais problemas que comprometem o sucesso do uso do farmacológico, como a falta de adesão ao tratamento correto e administração de doses por conta própria. O serviço é gratuito e aberto a toda a comunidade.

“O serviço busca oferecer segurança no uso de medicamentos e bem-estar, principalmente, para pacientes polimedicados, que fazem uso concomitante de, pelo menos, cinco medicamentos”, diz Juliana. “Com o acompanhamento, conseguimos diminuir os problemas que surgem com o uso incorreto e também aumentar a adesão ao tratamento, melhorando a saúde e a qualidade de vida dos pacientes”.

O programa de acompanhamento farmacotécnico é uma parceria entre a Unicentro e a prefeitura de Guarapuava com atendimentos que ocorrem de forma remota, através do aplicativo Fala Saúde, ou presencialmente, na Farmácia Escola da universidade. Além da procura voluntária, o programa também busca expandir os atendimentos para pacientes polimedicados já cadastrados no sistema FastMedic, da prefeitura.

“Também entramos em contato com os pacientes de maior risco de saúde para agendar os atendimentos, como é o caso os que tomam acima de cinco medicações diferentes ao mesmo tempo”, afirma.

Para participar, basta o paciente agendar o atendimento pelo telefone (42) 3629-8149.

Informações da Agência Estadual de Notícias