Um treino para cada objetivo: é importante definir o que você busca em uma academia

Alinhar nossos objetivos com a atividade física que vamos praticar – essa deveria ser a primeira decisão na hora de se matricular na academia: qual o meu objetivo? Perder peso, ganhar massa muscular e ter mais condicionamento físico estão entre os três principais motivos que levam as pessoas a buscarem uma atividade física. Também vem crescendo o número de pessoas que procuram por bem-estar nos exercícios físicos, principalmente após os dois longos anos de pandemia. “Antes de tudo, é preciso ter claro na mente o que exatamente você precisa. Às vezes, por uma má escolha, a pessoa acaba desistindo de ir para academia”, afirma Marcel Gandra, sócio-diretor do Grupo Ultra. 

O Grupo é uma holding especializada em franquias fitness, com portfólio que reúne marcas que vão desde academia completa “big gym” até estúdios de HIIT, bike, yoga e ballet fitness – por isso, sabem bem que é preciso que a escolha do treino passe por aquilo que a pessoa tem como objetivo e também por sua preferência de aula. “Não adianta uma pessoa que quer ganhar massa muscular fazer só aeróbico, por exemplo. E a pessoa que quer perder peso, também vai precisar de exercícios para definir o corpo e evitar a flacidez”, comenta Marcos. Com diversos profissionais qualificados, Minchiotti enfatiza que a orientação vinda do professor deve ser levada em conta, afinal, ele é um especialista no assunto.  “Quando as orientações são seguidas, o resultado é mais evidente. Sem contar que o risco de lesões diminui, afinal, o plano que o professor irá passar para o aluno leva em conta, além do seu objetivo, o seu histórico e condição física”, diz. 

Para diminuir o ponteiro da balança

Para quem busca perder peso e ganhar condicionamento, a dica são as aulas na Spider Kick: um treino de 45 minutos, com diferentes atividades que promovem alto gasto calórico e melhora o condicionamento físico. “A aula é um prato cheio para quem busca perder peso, aliviar o stress do dia-a-dia e cuidar da saúde. É um treino que faz o aluno dar o seu melhor, dentro dos limites do próprio corpo”, afirma Marcos Minchiotti, CEO da Spider Kick. O estúdio tem como sócio Anderson ‘Spider’ Silva, ex-Campeão Peso Médio do UFC, e é inspirado nos exercícios que ele fazia para se preparar para os combates. 

São três estações de atividades – uma de agilidade, onde os exercícios são de agachamento, salto, simulação de golpes, pular corda, flexões e polichinelo, tudo com o peso do próprio corpo. Depois, vem a de Muay Thai, e por último, é o treino funcional, mesclando exercícios com apenas o peso do corpo e outros com utilização de acessórios como halteres, corda naval e wall Ball. Para quem não gosta de monotonia, todo dia ocorre uma aula diferente. “Isso dá ainda mais dinamismo para o treino, mantendo o aluno entusiasmado, diferente daquelas aulas onde todo dia há as mesmas repetições. Na Spider, nenhum treino é igual ao outro”, comenta Marcos.

Outro estúdio do Grupo Ultra que ajuda quem quer emagrecer é o Cycle, circuito de bike indoor. “Muito mais do que uma simples aula de bike, o Cycle utiliza estímulos para desenvolver capacidades como consciência corporal, condicionamento físico, ritmo e coordenação motora de maneiras diferenciadas, tudo com muito ritmo e entusiasmo”, diz Julio Papeschi, coordenador técnico. As aulas buscam simular, ao máximo, as condições de um treinamento de ciclismo real. “Elas apresentam intensidade variável que sempre acontece por meio das mudanças de ritmo, tanto pela velocidade das pedaladas quanto das músicas que são disponibilizadas na sala”, completa.  

Tanto na Spider quanto na Cycle, os alunos têm seus batimentos cardíacos monitorados – todos usam um frequencímetro e acompanham no monitor de uma TV a zona cardíaca em que estão. O monitoramento começa na zona azul, que revela batimentos tranquilos. Depois vem a amarela, quando eles ficam um pouco mais elevados. E chega à laranja, que é a frequência ideal e há a maior queima calórica – um prato cheio para quem quer perder alguns ou mesmo vários quilos.

Busca por definição e bem-estar

O modelo Ballet Fitness by Betina Dantas foi desenvolvido pela bailarina e empreendedora quando lesionou seu tornozelo em 2003 e ficou impossibilitada de fazer as atividades de seu treino habitual. A prática se tornou queridinha entre famosas como Karina Bacchi, Sabrina Sato, Fernanda Souza, Ingrid Guimarães, entre outras, por conta dos resultados rápidos, aulas envolventes com foco no alto número de repetições dos passos e no tempo de isometria e sustentação muscular. “A transformação é surpreendente, pois a aula mescla o aeróbico com o anaeróbico, trazendo força e ao mesmo tempo leveza e graciosidade como poucas modalidades conseguem! É uma aula ‘power’ que trabalha bastante com o cardiovascular, promovendo a queima de calorias e consequentemente perda de peso”, comenta Betina.  

Junto ao Grupo Ultra, Betina firmou uma parceria e trouxe o Studio BYD com a proposta de fortalecimento do modelo para ganhar escala. O treino criado por Betina junta o ballet fitness, a yoga e a dança, uma aula para quem não quer aumentar a massa muscular, mas ficar com os músculos mais definidos, e também para quem busca algo mais “zen”.  Betina Dantas, que também é formada em Educação Física, desenvolveu essa metodologia que mistura exercícios funcionais da ginástica e fitness com elementos básicos do ballet clássico, podendo ser praticado até por quem nunca fez balé. Apesar da maioria das alunas pertencer ao sexo feminino, ela afirma que a aula é para todo mundo. “Temos alguns alunos homens também. Os benefícios da prática são imensos e maiores do que qualquer preconceito”, diz a bailarina.

Músculos e mais músculos

Além de contar com estrutura completa, tecnologia de última geração, uma ampla oferta de aparelhos e modalidades de aulas e professores certificados, a academia “big gym” do Grupo Ultra possui um ambiente colorido e inspirado no estilo “street”, pensado em proporcionar ao aluno um treinamento em uma atmosfera com mais dinamismo. Longe de ser uma academia tradicional, a Ultra Academia tem a proposta de não apenas oferecer atividades físicas, mas ser um real agente de mudança na vida das pessoas e na sociedade. Para isso, além da decoração que foge do padrão de uma academia e remete às ruas, criando um espaço para o aluno se sentir mais à vontade, também há aparelhos novos e de última geração. “A ideia é reunir o que existe de mais atual e relevante no mundo fitness, sempre com profissionais qualificados para atender às demandas de cada aluno, que podem inclusive, optar por um personal para acompanhá-los”, diz Minchiotti.