Você foge na hora de falar em público?

Hoje, diante do mundo competitivo, ter uma boa comunicação tornou-se um fator determinante àqueles que buscam o sucesso em suas relações pessoais e empresariais. De acordo com pesquisas, 86% da população possui o medo de falar em público, sendo, desse total, 76% pessoas do ramo dos negócios.

Percebendo isso, Luciana Burko, estrategista de marca pessoal, por já estar ambientada com o meio do empreendedorismo, percebeu a oportunidade e colocou-se como uma personal brander.

Seu mentorado, Gustavo Costa, buscando a renovação em seus negócios, conheceu-a, virtualmente, por meio de uma live. Segundo o empresário “a Luciana deu muita atenção, me ajudou demais e compartilhou seus conhecimentos de maneira genuína.”. Logo depois, Gustavo compareceu a uma turma de mentoria ofertada por Luciana. “Eu aprendi sobre posicionamento, interagir com o público, criação de conteúdo, me conectar e muito mais”, disse ele. E, ainda, “recebi muitos feedbacks positivos quanto a minha nova presença digital. Muitas pessoas ficaram curiosas e interessadas no meu trabalho, me chamando para reuniões, tudo por eu ter melhorado minha comunicação. Só tenho a agradecer.”

O branding ou Brand Management, apesar do nome difícil, nada mais é do que tudo aquilo que uma empresa faz com o objetivo de transmitir seus valores e cultura, de forma a marcar seus clientes de maneira positiva. Assim, Luciana colocou todo o seu conhecimento a fim de fortalecer marcas pessoais e chegou a tirar o Certificado Internacional em Personal Branding.

Pode até parecer exagero, mas, afinal, o que você deixa de ganhar se não consegue falar em público? Saber se portar, conversar, apresentar ideias de forma clara e objetiva são qualidades muito valorizadas nos ambientes corporativos e pode ser aquilo que falta para você conseguir o que tanto almeja. Grandes líderes e empresários de sucesso tem algo em comum, possuem uma boa oratória, são convincentes e influentes dentro do ambiente em que atuam.