Anthony Hopkins presta homenagem a Chadwick Boseman em mensagem do Oscar

LONDRES (Reuters) – Anthony Hopkins prestou homenagem ao falecido ator Chadwick Boseman Boseman em uma mensagem de agradecimento à Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos, que o premiou com um Oscar que muitos esperavam ir para Boseman.

Hopkins, de 83 anos, foi escolhido o melhor ator no domingo por seu retrato de um homem com demência em “O Pai” – uma vitória surpreendente, já que Boseman era considerado o franco favorito por seu papel em “A Voz Suprema do Blues”.

Falando de seu País de Gales nativo, Hopkins disse em uma mensagem de vídeo publicada no Instagram que o prêmio, o segundo de sua carreira, foi inesperado.

“Bom dia, aqui estou eu em minha terra natal do País de Gales”, disse o ator. “Aos 83 anos de idade, não esperava receber este prêmio, realmente não esperava. Muito obrigado a todos”.

“Quero prestar homenagem a Chadwick Boseman, que foi tirado de nós cedo demais”, acrescentou.

Astro de “Pantera Negra”, Boseman morreu no ano passado aos 43 anos após uma batalha de quatro anos com um câncer de cólon.

(Por Guy Faulconbridge)