Will Smith deixa Academia após agressão contra Chris Rock no Oscar

O ator Will Smith anunciou na sexta-feira (1º) que decidiu deixar de ser membro da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood após o episódio em que agrediu o humorista Chris Rock no Oscar 2022.

“Respondi diretamente ao aviso de audiência disciplinar da Academia e aceitarei integralmente todas e quaisquer consequências por minha conduta. Minhas ações na apresentação do 94º Oscar foram chocantes, dolorosas e imperdoáveis. A lista daqueles que machuquei é longa e inclui Chris (Rock), sua família, muitos de meus queridos amigos e entes queridos, todos os presentes e o público global em casa”, disse o ator em comunicado.

“Eu traí a confiança da Academia. Privei outros indicados e vencedores de sua oportunidade de celebrar e ser celebrado por seu trabalho extraordinário. Estou de coração partido. Quero colocar o foco de volta naqueles que merecem atenção por suas realizações e permitir que a Academia volte ao incrível trabalho que faz para apoiar a criatividade e a arte no cinema. Portanto, estou me renunciando da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas e aceitarei quaisquer outras consequências que o Conselho julgar apropriadas. A mudança leva tempo e estou comprometido em fazer o trabalho para garantir que nunca mais permita que a violência ultrapasse a razão”, completou Will Smith.

Com a renúncia, o ator não poderá mais participar das votações do Oscar, mas pode ser indicado ao prêmio e também manter a estatueta que ganhou na última edição.

Com informações do SBT News