Programação cultural marcou retorno do público infantil

Cinema, peças teatrais, oficinas de arte, circo e videoclipe ao ar livre durante o fim de semana e feriado marcaram a volta do público infantil aos espaços culturais de Curitiba.

Cerca de mil pessoas, entre crianças e responsáveis, aproveitaram a programação da Fundação Cultural de Curitiba para a “retomadinha”, seguindo protocolos de segurança contra a covid-19 com fluxo de pessoas reduzido nos espaços.

“A volta tem sido aos poucos e com cautela, uma espécie de readaptação do público e também dos artistas, mas já é um respiro para esse meio que ficou tanto tempo sem atividade presencial”, destaca Edson Bueno, diretor de Ação Cultural da FCC.

Teatros e oficinhas

Os teatros da FCC que estavam fechados desde o início da pandemia foram reabertos neste fim de semana com peças infantis, especialmente o teatro de bonecos. Muitas peças tiveram sessão dupla no domingo e no Dia das Crianças.

Nos teatros Novelas Curitibanas (Centro) e Antonio Carlos Kraide (Portão) foram os bonecos que deram vida à imaginação dos pequenos e um show especial marcou a volta do Teatro Cleon Jacques, que foi reformado para integrar o complexo cultural do Memorial Paranista, no parque São Lourenço. 

Cine Passeio

No Cine Passeio, além de uma programação especial de filmes infantis, a terça-feira (12/10) foi de tapete vermelho para os atores mirins do curta-metragem Cinema Mudo.

“Nunca tinha entrado num cinema, estou muito feliz”, disse Isabelly Beatriz Batista de Aguiar, 7 anos. Ela foi acompanhada da mãe Lucilene Maul, que também nunca havia estado dentro de um cinema.

As crianças que estrelaram o premiado filme do diretor Melo Vianna assistiram a uma sessão especial do curta e, na sequência, viram a animação Spirit.

Informações da Prefeitura de Curitiba