Tempo e imagem são tema de primeira exposição com audiodescrição do MIS

A partir de imagens reproduzidas de coleções de fotografia do museu, além de câmeras fotográficas, chapas de negativo de vidro e outros suportes fotográficos, o Museu da Imagem e do Som do Paraná (MIS-PR) apresenta a exposição Imagens do MIS: Diálogos com o Tempo. Com material variado – ícones produzidos entre 1910 e 1980 – a mostra é a primeira com audiodescrição do museu.

Todas as obras terão uma etiqueta informativa com um QR Code. Ao apontar a câmera do celular, o usuário será enviado para uma página hospedada no site do MIS-PR em que se poderá ouvir a descrição das fotografias, com riqueza de detalhes. Esse recurso permite apoio informativo aos deficientes visuais tornando a exposição mais acessível.

Segundo a diretora do MIS-PR, Mirele Camargo, a audiodescrição é um passo importante na direção de ampliar o acesso de todo o público ao acervo do Museu. “Dessa forma mesmo deficientes visuais poderão participar da experiência de se visitar uma exposição que é tão dependente de imagens”, afirma.

Manoel Negraes, da Vias Abertas Comunicação Cultura e Inclusão, empresa que fez o trabalho para a exposição, diz que é um passo fundamental para o museu. “É um direito, não é um favor. É importante que a gente tenha esse entendimento. E por meio dessa tradução do visual para o verbal a pessoa com deficiência visual tem uma fruição estética, consegue interagir com as obras de arte, fotografias, objetos, enfim, de uma maneira muito rica. A pessoa consegue ter o seu próprio entendimento dessas obras que estão sendo audiodescritas”, afirma.

Exposição

A exposição coloca em perspectiva o acervo do MIS-PR, propondo um mergulho temporal que só as tecnologias fotográficas permitem. As imagens do passado, antes descritas principalmente pela memória, puderam ser impressas e vistas no cinema e na televisão. Através de uma imagem fotográfica, estática aparentemente, podemos nos conectar com as pessoas e com as coisas que se denominam em geral de “antigas”. O que nos antecedeu, torna-se algo que ainda está aqui e pode dialogar conosco. 

“A exposição é constituída de fotografias reproduzidas de antigas chapas de vidro e outras coleções fotográficas do museu. Mostra aspectos da cultura e da história do Paraná. Percorre um período do início do século XX até a década de 1980. Seu objetivo é possibilitar tanto uma visão histórica da fotografia no Estado quanto crítica de sua formação social”, afirma José Luiz de Carvalho, historiador do MIS-PR e integrante da equipe curatorial da exposição ‘Diálogos com o Tempo’.

Filmes

A Exposição “Diálogos com o Tempo” conta também com a exibição de dois documentários, ambos dirigidos por paranaenses. As sessões serão em duas modalidades: som original e audiodescrição. 

Os filmes exibidos são “Mato Eles”, de Sergio Bianchi; e “Quilombolas das Lauráceas”, de Flavio Rogério Rocha. Para conferir as datas e horários de exibição consulte a programação do MIS-PR pelo site do Museu.

Serviço 

Imagens do MIS: Diálogos Com o Tempo

Local: Museu da Imagem e do Som do Paraná – Rua Barão do Rio Branco, 395 – Centro – Curitiba

Data: 23 de novembro de 2021 a 27 de março de 2022

De terça-feira a sexta-feira, das 9h às 18h; sábados, domingos e feriados, 10h às 16h

Piso térreo

Informações da Agência Estadual de Notícias