Argentina passará fim de semana celebrando Diego Maradona

BUENOS AIRES (Reuters) – O futebol argentino está se preparando para um fim de semana de comemorações do aniversário de Diego Maradona, que morreu ano passado, com partidas ao redor do país sendo paralisadas e clubes e torcedores se vestindo para lembrar a controversa super-estrela.

O ex-jogador de Boca Juniors, Napoli e Barcelona morreu em 20 de novembro do ano passado de ataque cardíaco. Sua morte gerou um luto nacional na Argentina, comandada por ele ao título da Copa do Mundo de 1986.

“Hoje (sábado), 61 anos desde seu nascimento, sua memória é mais presente do que nunca”, escreveu a Associação de Futebol Argentino (AFA). “Porque Diego é eterno.”

A AFA disse a todos os clubes profissionais que os jogadores devem entrar em campo usando camisetas com a foto de Maradona na parte da frente, e os capitães usarão uma faixa azul e branca –cores nacionais da Argentina– com a silhueta do ex-jogador.

Todos os jogos –incluindo amadores e infantis– serão paralisados aos 10 minutos para um minuto de aplauso.

A federação espera que as homenagens aconteçam em 1.000 partidas ao redor da nação sul-americana e pediu que torcedores tirem fotos e as publiquem com a hashtag #1000PartidosPorEl10, ou “1000 Partidas pelo 10”.

(Reportagem de Andrew Downie)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH9T081-VIEWIMAGE