Com 24 jogadores à disposição, Tite comanda treino tático na Colômbia

Com 24 jogadores à disposição – Casemiro teve de ser desconvocado e Douglas Luiz foi chamado para o seu lugar – o técnico Tite comandou um trabalho tático na tarde desta terça-feira (5). Em Bogotá, capital colombiana, a Seleção Brasileira deu mais um passo na preparação para o duelo com a Venezuela, marcado para quinta-feira (7), às 20h30 (Brasília), em Caracas.

Como de costume em treinamentos táticos de movimentações ofensivas e defensivas desta Seleção Brasileira, a comissão técnica trabalhou com duas equipes distintas, mas sem adversários do outro lado. É o chamado 11 contra zero.

O primeiro grupo a receber as orientações era formado por Weverton (Ederson), Emerson, Lucas Veríssimo, Eder Militão e Alex Sandro; Fred, Edenílson, Antony e Raphinha; Vinicius Junior e Arthur Cabral. Na sequência, os escalados foram Alisson, Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Guilherme Arana; Fabinho, Gerson, Lucas Paquetá e Everton Ribeiro; Gabriel Jesus e Gabi. Neymar Jr., suspenso da partida contra a Venezuela, não participou desta atividade.

Após as movimentações ofensivas e defensivas, as duas equipes também trabalharam as bolas paradas. Antes disso, os jogadores haviam participado de um treinamento de posse de bola, inclusive com a participação dos goleiros como jogadores de linha. A atividade desta tarde terminou com finalizações a gol.

O Brasil volta a treinar em Bogotá na manhã desta quarta-feira (6), no Estádio El Campin. O trabalho está marcado para as 10 horas (12h de Brasília). À tarde, a delegação brasileira embarca para Caracas, onde enfrentará os donos da casa.

Na sequência do confronto com a Venezuela, a Seleção Brasileira tem pela frente Colômbia e Uruguai. A partida contra os colombianos será no domingo (10), em Barranquilla, às 18h (Brasília), enquanto o duelo com os uruguaios está marcado para as 21h30 (Brasília) do dia 14, em Manaus.