Massa News, notícias do Paraná e do Brasil

Curitiba, PR
Clima
26.4ºC
Massa News, notícias do Paraná e do Brasil

Brasil pode perder a Copa! Não é o ano do Neymar

Redação

Redação

Duas vitórias, nenhum gol sofrido e futebol de encher os olhos. A Seleção Brasileira finalmente será campeã do mundo depois de 20 anos? Segundo a taróloga e mentora de autocuidado Letícia Gomes, o sonho do Hexa pode ser adiado por mais quatro anos.

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Questionada sobre as possibilidades do Brasil na fase de mata-mata da competição, ela alertou: prepare o seu coração porque a equipe de Tite não terá caminho fácil. “Será um jogo difícil e a Seleção passará por um momento que parece que as coisas não estão funcionando, que não vai dar certo”, explica.

No entanto, isso não significa que o brasileiro começará a próxima semana com uma eliminação na competição. “Se o time mantiver a esperança e a fé para trabalhar em conjunto, as coisas darão certo. A carta da Estrela fala sobre isso, trabalhar com a espiritualidade para conquistar os objetivos”, conta a taróloga.

Para prosseguir na competição, a Seleção precisará resgatar a paixão da torcida. Segundo Gomes, isso se deve ao Ás de Copas, que é uma carta sobre renovação do amor. No entanto, o 2 de Ouros alerta: o time precisará se unir e, caso isso aconteça, a vaga para as quartas de final será carimbada. “Os gols do Richarlison contra a Sérvia já trouxeram a inspiração de que o Brasil voltou, então pode ser que a gente consiga usar essas emoções para o positivo”.

Segundo Gomes, o Brasil sentirá algum baque forte e que deve ajudar que a esperança se renove. “O 2 de Copas aponta para a falta de foco e entrosamento. Ou seja, cabe ao Tite liderar e unir o grupo, trazer essa renovação de fé e da paixão pela Seleção”, conta.

Mesmo passando das oitavas de final, a carta da Morte aponta para a possibilidade do Brasil deixar o Catar de mãos abanando. “É provável que o Brasil chegue até a semifinal, mas tudo aponta para algum acontecimento marcante, provavelmente uma derrota”, explica. Mais doído que o 7 a 1 no Mineirão? Aguardemos!

O Brasil tem chance de ser Hexa?

Isso não significa que tudo está perdido. Caso haja uma transformação forte no time, o capitão Thiago Silva pode erguer a taça no dia 18 de dezembro. Isso se deve à carta Roda da Fortuna que, segundo a taróloga, mostra a sorte se modificando no decorrer do caminho.

Aliada ao 6 de Copas, ela aponta que o resgate das lembranças do passado será crucial para a vitória da amarelinha. “Essa transformação precisa ser feita pensando no povo brasileiro, lembrando da nossa trajetória na Copa e nossa tradição”, explica.

Já o 3 de Paus de paus ressalta a importância da força de vontade e determinação para a conquista dos objetivos. “De um modo geral, eu só não cravo que o Brasil vencerá esta Copa porque a carta da Morte fala sobre novos ciclos”, conta. Seria o início de uma nova era, com a amarelinha campeã e uma geração de grandes talentos? Aguardemos.

E o Neymar? Volta a jogar nesta Copa?

Disputando sua terceira Copa, Neymar não deve sair do Catar feliz. Substituído na estreia com lesão no tornozelo e até ter febre durante a recuperação, o craque da Seleção precisará cuidar do mental se quiser brilhar.

Quando perguntada sobre a situação do atacante do PSG, Gomes apontou que há muita negatividade rondando o jogador – graças às cartas 3 de Espadas e 9 de Espadas. “O Neymar está preocupado e sofrendo mentalmente com problemas que ele mesmo está criando. Talvez sejam crenças, que estão bloqueando e deixam ele preocupado”, conta.

Mesmo assim, o camisa 10 tem o desejo de brilhar e honrar a história da seleção brasileira em campeonatos mundiais com mais um título. “O 6 de Paus aponta para um momento de superar as crises e deixar o momento de dificuldades para trás. Ele quer muito isso, mas talvez tenha algo na cabeça dele impedindo”, diz.

Para Gomes, ele precisa de um refúgio mental e deixar as preocupações de lado. Afinal, o 9 de Espadas ressalta um momento de negatividade intensa, que até dificulta o sono. “Esta carta tem uma energia pesada e, acompanhada do 3 de Espadas, aponta que ele está sofrendo bastante.”

Ou seja: Neymar precisa ser cauteloso com seus próximos passos para conseguir chegar ao momento de brilhar e se consagrar com o título que falta à sua galeria de troféus. “Ele precisa tomar cuidado, não ser muito rígido e deixar a positividade voltar. Mas ele não está mentalmente bem e precisa de ajuda para isso”, conta.

Praticamente recuperado da lesão, Neymar tem boas chances de jogar as partidas restantes do Brasil na competição. Para isso acontecer, isso dependerá da autoconfiança e foco do craque. “Ele precisa sair desse looping de pensamentos ruins e pessimismo. Depende só dele”, conclui.

Estas previsões vão se concretizar? Descobriremos nas próximas semanas. Com ou sem Neymar, vencendo as adversidades ou tendo uma derrota marcante, a verdade é uma: a Copa do Catar trará fortes emoções à torcida brasileira.

Entre no grupo do Massa News
e receba as principais noticias
direto no seu WhatsApp!

Compartilhe essa matéria nas redes sociais

Ative as notificações e fique por dentro das notícias

Dá o play Assista aos principais vídeos de hoje
Colunistas A opinião em forma de notícia