Cerca de um quarto da população da Ucrânia está deslocada

Cerca de 10 milhões de pessoas estão deslocadas dentro ou fora da Ucrânia devido à ofensiva russa no país. O número, segundo o monitoramento da Organização das Nações Unidas (ONU), representa um quarto da população total do país e engloba 3,7 milhões de refugiados e 6,5 milhões de desabrigados nas cidades ucranianas.

A maioria dos civis que decidiram deixar o país está se deslocando para países fronteiriços. Até o momento, a Polônia foi a nação que mais recebeu cidadãos (2,2 milhões), seguida pela Romênia (572 mil) e a Moldávia (376 mil). Outras pessoas também seguem para regiões da Hungria, Eslováquia e Rússia. Dos refugiados, cerca de 90% são mulheres e crianças.

Representantes da ONU afirmam que o fluxo migratório é o maior desde a Segunda Guerra Mundial. Mais cedo, a entidade anunciou que ao menos 1.035 civis morreram na Ucrânia e 1.650 ficaram feridos devido aos bombardeamentos e ataques terrestres. O número, no entanto, pode ser muito maior, uma vez que o recebimento de informações está instável.

Informações do portal SBT News.