Rede municipal de Curitiba vai receber livros sobre Emília Erichsen, fundadora do primeiro jardim de infância do Brasil

A história da professora Emília Erichsen, que fundou o primeiro jardim de infância do Brasil em Castro, em 1862, está contada nas páginas do livro O Jardim de Emília, da autora Elizabeth Raffo Setti, nascida em Curiúva e criada em Castro.

Ontem, (11) Elizabeth foi recebida pelo prefeito de Curitiba, Rafael Greca, e pela secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila, no Palácio Solar 29 de Março.

“Essa ideia, que se transformou em dois volumes, surgiu da curiosidade e da vontade de contar um pouco da vida dessa educadora pioneira, que conviveu com meus antepassados e que lutou para ensinar as crianças daquela época”, contou a autora.

Durante uma viagem, Emília, casada com um comandante de navio dinamarquês, conheceu o pedagogo infantil alemão Friedrich Fröbel, em quem se inspirou. “O modelo adotado por ela, numa época em que não havia tanto interesse na criação de escolas, ajudou muitas gerações depois dela”, completou Elizabeth.

O prefeito elogiou a obra e anunciou que a rede municipal de ensino de Curitiba, que tem cerca de 140 mil crianças e estudantes, vai receber 250 exemplares do livro.

Colaboração Prefeitura de Curitiba