Vários hospitais ucranianos são atacados, diz chefe da OMS

Na manhã deste domingo (6), o diretor da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, confirmou vários ataques a hospitais na Ucrânia em meio ao conflito com a Rússia.

Segundo o executivo das Nações Unidas, em publicação no Twitter, os ataques deixaram várias mortes e feridos. Apesar de não ter citado a Rússia, Tedros relata que ataques violam o direito internacional e humanitário.

“Ataques a instalações de saúde ou trabalhadores violam a neutralidade médica e são violações do direito internacional humanitário”, disse.

De acordo com o Sistema de Vigilância para Ataques a Hospitais e Centros de Saúde, da OMS, Seis ataques foram registrados, causando seis mortes e 11 feridos até o momento. 

Além disso, segundo o sistema da OMS, foram impactados ou afetados também:

3 instalações de saúde

1 veículo de transporte

1 unidade de suprimentos

3 pessoas da equipe de saúde afetadas

1 paciente afetado

Informações do Portal SBT News