Nova York volta a recomendar uso de máscaras em lugares fechados

Autoridades de saúde de Nova York, nos Estados Unidos, voltaram a recomendar nesta segunda-feira (17) o uso de máscaras em locais públicos fechados, mercados, escritórios e lojas. Alta de casos e aumento nas hospitalizações foram algumas das justificativas dadas pelo governo nova iorquino para o recuo na flexibilização do uso da máscara. 

Há duas semanas, a cidade elevou o alerta para nível de risco “médio” para covid-19, e reclassificou o alerta para “alto” após a confirmação de mais de 3 mil casos diários na última sexta-feira (13). Nova York vive uma quinta onda de casos, e registra uma média móvel bem acima das do mês de março, que eram abaixo de 1.500. 

Pelo Twitter, Ashwin Vasan, comissário do Departamento de Saúde e Higiene Mental da cidade, afirmou que o alerta só voltará para “baixo” com a ajuda da população. “A volta para baixo risco depende de cada um fazer a sua parte e se seguirmos as orientações, nossas previsões antecipam que o pico dessa onda não vai durar muito. O que fazemos agora pode fazer toda a diferença.”

Informações de SBT News