Miss Curitiba denuncia ex-marido por agressão e alienação parental

Bruna Pacheco fez apelos nas redes sociais com a intenção de poder ver o filho, que há 5 meses está sob a custódia provisória da avó paterna. Ela e o ex-marido disputam a guarda da criança na justiça. Nesta terça-feira (07), ela publicou fotos que mostram as agressões que sofreu do ex-marido, o empresário Norberto Espíndola Calliari. A modelo conta que, para defender seu filho mais velho, acabou ferindo o Norberto com uma faca. Mesmo depois desse episódio eles reataram, mas as brigas continuaram.

Bruna conta que a babá recebeu dinheiro do ex-marido para tirar o filho de casa e levar o menino para ele. A guarda do filho foi concedida provisoriamente para a avó paterna, mas há meses, mesmo com decisão judicial, a modelo não consegue ter contato com o filho. Bruna acabou de se instalar em uma nova casa, o que ela espera agora, é ter o filho de volta e começar vida nova.

Veja mais informações sobre este caso no Tribuna da Massa Curitiba de quinta-feira (07):