Mulher que matou marido a facadas alega legítima defesa

O fato foi registrado no final de semana, Ana Paula dos Santos assumiu a autoria do crime em depoimento no dia em que Devanir Alves foi morto mas negou que tivesse sido agredida

A defesa de Ana Paula já trabalha para entrar com habeas corpus. Para a advogada autora do homicídio só se defendeu: “O caso da Ana Paula não se trata nem de crime, trata-se de um fato atípico por conta da legítima defesa.”

Ana Paula dos Santos passou pela audiência de Custódia, o juiz em questão decretou a prisão preventiva dela, a defesa se apoia no fato dela estar grávida e os riscos da covid-19 dentro da cadeia.

“Atualmente nós temos uma resolução que protege essas mulheres, infelizmente o Juiz teve um entendimento diverso, mas nós vamos tentar uma revogação de prisão em primeiro grau inclusive e após o habeas corpus.”  afirmou a Advogada de Ana Paula.