O golpe do amor, parte 2: Don Juan da chapinha volta a fazer novas vítimas

Galã da chapinha obriga vítima a fazer empréstimo de mil reais para livrá-lo de uma dívida

Bem que poderia ser apenas história de novela, mas não é! Uma história já contada antes ganhou um novo capítulo. Don Juan da Chapinha voltou a atacar novas vítimas com seu “golpe do amor”.

O homem mais “bico doce” do Paraná faz mais uma vítima, que procurou nossa ajuda. O mesmo papo de sempre, as mesmas desculpas. A nova vítima do Sérgio é uma diarista e viúva, de 66 anos. O homem que passa a lábia e engana várias mulheres agora está se passando pela filha que comunicou a morte do pai.

A vítima, que pediu para não ser revelada, pois ela está extremamente envergonhada, não contou a história do golpe sofrido nem para a família. Desta vez a vítima não conhecia ainda a fama de Sérgio Vitor, conhecido como Don Juan da Chapinha.

Sérgio Vitor já apareceu antes no Tribuna da Massa Curitiba na reportagem especial “O golpe do amor”
Sérgio Vitor se passa por solteirão solitário

O modus operandi de Sérgio Vitor Andrade, de 57 anos, é o mesmo: se aproxima das vítimas e com toda a lábia do mundo ele se faz de coitado, faz um drama todo para que elas fiquem com pena dele.

“Ele contou uma historinha da vida dele, que ele era separado há 28 anos, que a vida dele é muito sofrida e solitária. Ele queria sossegar, ter uma casa para dormir. Ele é muito carinhoso. Um dia ele falou para mim que ‘uns cara’ de Ponta Grossa estavam ameaçando ele de morte, mas ele não tinha dinheiro para dar. E pediu para eu fazer um empréstimo para ele de mil reais. Eu fiz o empréstimo e mandei apenas R$ 500,00”, confidenciou a vítima.

Veja depoimento completo na reportagem do Tribuna da Massa Curitiba de sexta-feira (08):

Mas ele fazia o mesmo com outras mulheres. Quando ela descobriu o golpe, procurou por ele. 6 de novembro foi a última vez que Sérgio atendeu suas chamadas. Quatro dias depois, finalmente conseguiu outro contato e teve uma resposta inesperada no Whatsapp: a pessoa afirmava ser a filha de Sérgio e dizia que o pai havia falecido em um acidente de carro.

Em 2019 e 2020, o Tribuna da Massa Curitiba, mostrou algumas vítimas do Sérgio Vitor: