Preso o suspeito de planejar sequestro de empresário de São José dos Pinhais

Alexandre Almeida Cruz, de 31 anos, foi o único sobrevivente da quadrilha, outros cinco morreram em confronto

Um homem que fazia parte da quadrilha que planejava sequestrar um empresário em São José dos Pinhais foi preso pelo BOPE nesta quinta-feira (14). O suspeito seria o responsável pela campana no local onde o crime seria executado. A RONE, após um longo período de investigação, chegou ao suspeito que estava foragido. Já os seus cúmplices morreram em confronto.

Alexandre Almeida Cruz, de 31 anos, foi preso em flagrante dentro da casa onde morava há poucos meses no bairro Santo Antônio, em São José dos Pinhais. No local, a polícia encontrou celulares, toucas ninja, rádios comunicadores, uma pistola com diversas munições, coletes a prova de balas e até um bloqueador de sinal.

Segundo a PM, o criminoso fazia parte da quadrilha que planejava sequestrar um empresário da cidade. Só que o plano do grupo foi interrompido pelo serviço de inteligência da RONE. A ação terminou com cinco criminosos mortos depois de um confronto com os policiais.

Um dos criminosos mortos durante a troca de tiros com os policiais é Ozélio de Oliveira, criminoso condenado a 108 anos de prisão em decorrência de vários crimes, além de estar envolvido no sequestro de Wellington Camargo, irmão da dupla Zezé di Camargo e Luciano em 1998.

Segundo a polícia, Alexandre morava na casa onde foi preso há alguns meses e confirmou que fazia parte da quadrilha. Ele revelou ainda que o grupo esperava faturar uma grande quantia. Ainda de acordo com a polícia, outros criminosos devem ser presos nos próximos dias.

Mais detalhes sobre este caso na reportagem completa do Tribuna da Massa Curitiba desta sexta-feira (15):