Ucrânia: número de crianças refugiadas ultrapassa a marca de 1 milhão

Membros do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) informaram, nesta quinta-feira (10), que mais de 1 milhão de crianças já deixaram a Ucrânia para escapar da invasão russa. A maioria, segundo a entidade, está acompanhada de familiares e procura por abrigo na Polônia, Hungria, Eslováquia, Moldávia e Romênia.

“O número de crianças em movimento é impressionante, uma indicação de quão desesperada a situação das crianças e famílias na Ucrânia se tornou”, disse o diretor regional do Unicef para a Europa e Ásia Central, Afshan Khan. “As crianças estão deixando tudo o que sabem para trás em busca de segurança. Isso é de partir o coração”, completou.

Até agora, seis caminhões transportando quase 70 toneladas de suprimentos chegaram à Ucrânia. Os suprimentos incluem equipamentos de proteção individual e kits médicos, cirúrgicos e obstétricos. Trabalhando com parceiros, as equipes da Unicef na Ucrânia fornecerão suprimentos médicos para 22 hospitais em cinco áreas afetadas pelo conflito, o que deve beneficiar 20 mil crianças e mães.

Do outro lado da fronteira, três caminhões foram enviados de Copenhague, carregando suprimentos essenciais, como desenvolvimento infantil, kits recreativos e de higiene. Além disso, a entidade está disponibilizando espaços seguros durante as travessias para orientar famílias e identificar crianças desacompanhadas ou separadas de parentes. Uma parceria com a com a plataforma de hospedagem Airbnb também foi acordada para auxiliar o alojamento dos cidadãos.

“Estamos fazendo tudo o que podemos para ajudar as crianças e famílias necessitadas, mas a guerra deve acabar. A paz é a única solução sustentável”, frisou Khan. 

Informações de SBT News