Sétima parcela do Auxílio Alimentar começa a ser paga nesta terça-feira

Curitiba começa a liberar, na terça-feira (9), a sétima parcela do Auxílio Alimentar de Curitiba. O crédito de R$ 70 estará disponível para as famílias em extrema pobreza do Grupo 1, que poderão fazer compras nos Armazéns da Família.

O auxílio alimentar foi lançado pela prefeitura em abril e vai até o fim de dezembro deste ano. No último mês de 2021, o valor será de R$ 100, como uma espécie de abono de Natal. 

Para evitar aglomerações nos Armazéns, as famílias foram divididas em grupos que semanalmente devem procurar qualquer unidade a partir de datas específicas.

Atualmente, 32,7 mil famílias estão cadastradas para receber o Auxílio Alimentar de Curitiba, mas o benefício pode ser liberado para um total de 35 mil famílias.

Têm direito a receber o crédito famílias vulneráveis inscritas no Cadastro Único (CadÚnico) do governo federal e atendidas pelos Centros de Referência da Assistência Social (Cras) da Prefeitura.

“Caso haja famílias que ainda não fazem parte do CadÚnico, mas precisam do auxilio alimentar, elas devem procurar o Cras da sua região para se inscrever”, reforça o secretário municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, Luiz Gusi.

Todos as famílias aptas a receber o auxílio alimentar já foram informadas das datas de liberação do crédito por grupo.

Mobilização

Com o crédito alimentar, as famílias podem adquirir qualquer produto nos 34 Armazéns da Família. São cerca de 350 itens entre gêneros alimentícios e itens de higiene e limpeza. 

A iniciativa da Prefeitura é uma ação conjunta da Secretaria Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional (SMSAN), da Fundação de Ação Social (FAS) e da Secretaria Municipal de Finanças.

Dias e grupos das famílias beneficiadas com a sétima parcela do Auxílio Alimentar 

  • Grupo 1 – a partir de 9/11
  • Grupo 2 – a partir de 16/11
  • Grupo 3 – a partir de 23/11
  • Grupo 4 – a partir de 30/11
  • Grupo 5 – a partir de 7/12

Informações da Prefeitura de Curitiba