Suspeitos de matar motorista em frente a shopping são presos no Parolin

A Polícia Militar (PM) prendeu, na tarde desta terça-feira (6), dois homens suspeitos de envolvimento na morte de Jean Alves, 30 anos, baleado em frente a um shopping de Curitiba.

Os dois foram detidos no bairro Parolin, após uma denúncia anônima. Alguém viu os suspeitos tentando atear fogo em um Ford|Fiesta, mesmo modelo de carro usado no crime, no Prado Velho.

O denunciante viu que após tentar queimar o carro, os homens saíram do local em um Chevrolet|Celta. Achando a ação estranha, ele acionou a PM e informou a placa do veículo.

Em buscas pela região, os policiais encontraram o Celta e os dois suspeitos no Parolin. Eles foram detidos e encaminhados para a Central de Flagrantes.

Os suspeitos confessaram que tentaram atear fogo no Fiesta, mas negam participação no crime. Entretanto, os dois possuem características semelhantes com os atiradores.

Segundo informações iniciais da investigação, essa não seria a primeira tentativa de matar Jean.

A polícia investiga se o crime desta terça tem relação com o histórico de Jean, já que ele tinha um mandado de prisão em aberto por homicídio.

O crime

Jean estava saindo do estacionamento de um shopping, no Hauer, quando foi surpreendido por cerca de 30 disparos de arma de fogo. Ele tentou fugir dos tiros, mas acabou perdendo o controle do automóvel e bateu no muro de uma revendedora de veículos. 

Câmeras de monitoramento flagraram a ação dos atiradores. O homem morreu no local.