Trem arrasta carro e motorista que seguia com a família morre no Cajuru

Um cruzamento conhecido por inúmeros acidentes foi palco de mais uma tragédia, na manhã desta quarta-feira (23), no bairro Cajuru, em Curitiba. Uma família, que seguia em um Renault Sandero, foi atingida violentamente por pela locomotiva.

O acidente aconteceu por volta das 11h30, na Rua Amador Bueno com a Ronaldo Rodrigues Lima. Segundo o Corpo de Bombeiros, o motorista, que não teve a identidade revelada, ainda estava com vida na chegada das equipes e não resistiu durante o atendimento.

“A vítima estava com vida, mas apresentava sinais de choque provavelmente por conta de uma lesão interna. Populares informaram que o filho do motorista pulou do carro enquanto o veículo era arrastado e o pai não conseguiu sair ficando preso às ferragens”, disse o capitão, Eduardo Hunzicker, em entrevista à Rede Massa.

(Foto: Marcel Mercúrio/Rede Massa)

Por saltar do carro e cair na linha férrea, o filho do motorista teve apenas ferimentos leves no rosto e foi atendido por socorristas do Corpo de Bombeiros. O automóvel teria sido arrastado e só parou após cerca de 40 metros.

No local, não foi informado se o motorista cruzou a linha férrea enquanto o trem se aproximava ou se ficou parado aguardando a passagem dos demais veículos. Ainda conforme testemunhas, o maquinista emitiu o sinal sonoro.

Equipes do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) registraram a ocorrência. O corpo da vítima será encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Curitiba.