DJ não reage e acaba morto por homens encapuzados durante assalto no Paraná

A Polícia Civil de Mandaguaçu, no noroeste do Paraná, está investigando a morte do DJ, Allan Tiago Santos de 39 anos, que foi baleado durante um assalto no momento em que jogava pôquer com amigos, na noite desta segunda-feira (28). O crime aconteceu no interior de uma residência, no centro do município.

De acordo com a Polícia Militar (PM), cerca de cinco homens encapuzados invadiram o imóvel, na Rua Nicola Stefano, e dispararam contra a vítima que foi atingida no rosto. Testemunhas relataram que o DJ olhou para o rosto dos assaltantes, quando covardemente abriram fogo. Uma outra pessoa, que estava no imóvel, também foi baleada.

Após o crime, o grupo fugiu levanto uma quantia em dinheiro e também pertences pessoas das vítimas. Socorristas do Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma e Emergência (Siate) e também do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foram mobilizados para atender as vítimas, mas o maringaense não resistiu.

O corpo de Allan foi encaminhado ao IML (Instituto Médico-Legal) de Maringá. Câmeras de segurança da região, que teriam flagrado a ação dos criminosos, serão analisadas pela polícia que investiga o latrocínio.