Simulado de incidente com gás integra equipes e valoriza ações de prevenção em conjunto na RMC

Nesta quinta-feira (20), integrantes do Plano de Auxílio Mútuo – Núcleo de Proteção e Defesa Civil (PAM-NUPDEC) participaram de um simulado de incidente com gás (GLP) na região do Jardim Alvorada, em Araucária. O treinamento envolveu diversos órgãos vinculados a questões de segurança, incluindo o Departamento de Trânsito, Guarda Municipal, Bombeiros, Defesa Civil de Araucária e PRF, além de quatro grandes empresas na região do Jardim Alvorada: Ultragaz, Utingas, Copa Energia e Supergasbras. A produção e transporte de cargas nessas empresas foram suspensas durante o simulado e mais de 800 funcionários participaram do treinamento de evacuação de seus locais de trabalho.

O PAM-NUPDEC é uma cooperação entre empresas e poder público para ações preventivas contra incidentes em áreas das empresas. A simulação é uma oportunidade de integrar diferentes agentes por meio de situações fictícias de emergência e atende a questões previstas em lei. No simulado desta quinta-feira (20) houve a situação fictícia de escape persistente de gás. Além de ser preciso conseguir interromper a circulação de gás (neste caso, com fechamento de chave manual) para evitar incêndio, a equipe de atendimento teve que verificar outros riscos possíveis. Ao soar a sirene de alerta, inicia-se a comunicação rápida entre as empresas vizinhas, que repassam o alerta a todos os funcionários. 

Este simulado estava sendo preparado há alguns meses pelas instituições envolvidas no PAM-NUPDEC e evidencia a importância do trabalho articulado entre as instituições. Cada órgão envolvido, seja do poder público ou das empresas, sabe a sua tarefa a ser realizada, de acordo com sua área de atuação. E o entrosamento entre todas as áreas é fundamental para o sucesso da ação. Enquanto a brigada de incêndio da empresa e os bombeiros estão mais próximos da ocorrência, as equipes do Departamento de Trânsito, Guarda Municipal, Defesa Civil e PRF são fundamentais para a suspensão necessária de circulação de veículos em algumas vias, bem como a colaboração na retirada segura dos trabalhadores das empresas.

AÇÕES SIMULTÂNEAS – Nesse mesmo tempo de contenção da circulação de gás, há a simulação de queda de um funcionário idoso de uma escada próxima à estrutura onde há o vazamento. Com fratura no braço e na perna, a simulação envolve a equipe de atendimento da empresa, que o retira do local de maior risco e aciona os bombeiros. Esse trabalhador, supostamente em estado grave, é transportado para atendimento hospitalar com uso de helicóptero. 

Foto: Carlos Poly/SMCS

Além disso, os funcionários das quatro empresas envolvidas saem dos seus postos de trabalho para os ‘pontos de encontro’ (dentro de cada unidade) e, na sequência, se deslocam à pé, e de maneira organizada, para um ponto seguro (definido pelo PAM-NUPDEC) fora das empresas, já na marginal da rodovia do Xisto, onde encerra-se a simulação.

Informações Prefeitura de Araucária