Quais são os tratamentos estéticos mais indicados para garantir a saúde da sua pele?

A pele merece atenção especial em qualquer época do ano. Hábitos alimentares saudáveis, ingestão de água e o uso diário de protetor solar – indispensável em qualquer estação – estão entre as práticas mais indicadas pelos especialistas para garantir a saúde da sua pele.

Nos últimos 20 anos, a procura por intervenções estéticas aumentou exponencialmente, sobretudo, devido à oferta de tratamentos. O Botox, por exemplo, é o procedimento estético – não cirúrgico – mais realizado no mundo, corresponde a 43% do total de buscas na internet, segundo pesquisa da Isaps (Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética), divulgada em 2021.

Atualmente, o Brasil dispõe de técnicas e alta tecnologia quando o assunto é tratamento estético facial e corporal. No entanto, é preciso ficar atento às orientações do dermatologista, pois cada pele possui as suas características e especificidades.

 Mas, quais são os procedimentos estéticos mais realizados?

Os mais procurados são os tratamentos clareadores e os que promovem renovação celular, independente da época do ano.

Campeã de procura nos consultórios, a Toxina Botulínica, conhecida popularmente como “Botox”, é indicada para amenizar rugas e linhas de expressão, também pode ser usada para correção do sorriso gengival e suor excessivo na região axilar, palmas das mãos e nos pés.

Seguido da Toxina Botulínica, vêm os preenchedores com Ácido Hialurônico, que são biocompatíveis com a pele e modeladores que atenuam marcas de expressão e devolvem volume ao rosto do paciente.

Também muito utilizado, Peeling químico facial consiste na aplicação de diferentes ácidos para cada tipo de pele e atinge diferentes camadas. Produz um efeito que vai desde a renovação celular até a destruição completa da epiderme, levando a melhora de rugas de expressão, manchas, cicatriz de acne e rejuvenescimento facial.

Os Bioestimuladores servem para reverter os efeitos da idade, ajudam a prevenir e combater a flacidez (corporal e facial), além de proporcionar efeito lifting (com naturalidade). São capazes de estimular o aumento de colágeno no lugar tratado, os mais utilizados são: Hidroxiapatita de cálcio; Ácido poli(L)lático, Policaprolactona; Ultrassom micro e macrofocado e os Fios de sustentação, indicados para elevar os tecidos e que também oferecem efeito lifting.

Além disso, outros procedimentos que promovem renovação celular estão entre os mais procurados no Brasil, a exemplo da Radiofrequência, ideal para atenuar a flacidez facial e corporal, através do calor e da contração das fibras colágenas, favorecendo a firmeza dos tecidos e o  Microagulhamento, intervenção minimamente invasiva feita com anestésico tópico e que, por meio de microperfurações com agulhas finas, colabora para o rejuvenescimento da pele, tratamento de cicatriz de acne e estrias.

Apesar do avanço da Medicina Estética, da eficácia e segurança dos procedimentos, eles possuem contraindicação para pacientes com lesões ou ferimentos na pele, gestantes e pessoas com doenças neuromusculares.

É preciso seguir uma rotina com os cuidados. A dica é beber muita água, abusar de máscaras hidratantes, Vitamina C , usar um sabonete apropriado para cada tipo de pele e reaplicar o protetor solar várias vezes ao dia. O uso de ácidos noturnos, indicados pelo seu dermatologista, também pode ajudar muito na melhora da qualidade da pele e na redução de manchas. É tão importante quanto realizar procedimentos estéticos é estar com o skincare em dia.