CBF divulga numeração da seleção para Olimpíadas; Santos será o nº 1

A Seleção Olímpica Masculina divulgou a numeração definida para a disputa dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Nesta quarta-feira (7), a Fifa oficializou as listas de atletas de todas as 16 seleções que participarão do torneio de futebol masculino.

Além da numeração, também é divulgado como os nomes estarão escritos nas camisas. A mítica camisa 10 brasileira será vestida por Richarlison, que se apresenta à Seleção Olímpica após a disputa da Copa América com a Seleção Principal. Dani Alves, o mais experiente do grupo, seguirá com a 13 da Amarelinha.

Artilheiro da Seleção Olímpica, o camisa 9 Matheus Cunha terá apenas o sobrenome na camisa assim como usado no Torneio Pré-Olímpico, na Colômbia, em janeiro de 2020.

O primeiro compromisso da Seleção com a nova numeração estampada na Olimpíada será diante da Alemanha, no dia 22 de julho, às 8h30 (horário de Brasília). Em busca do bicampeonato olímpico, a Seleção Brasileira ainda enfrenta a Costa do Marfim e a Arábia Saudita na Fase de Grupos.

Confira abaixo a numeração oficial e os nomes na camisa:

  • 1. Santos
  • 2. Gabriel Menino / G. Menino
  • 3. Diego Carlos
  • 4. Gabriel Magalhães – desconvocado por lesão. Será substituído posteriormente
  • 5. Douglas Luiz
  • 6. Guilherme Arana / G. Arana
  • 7. Paulinho
  • 8. Bruno Guimarães / B. Guimarães
  • 9. Matheus Cunha / Cunha
  • 10. Richarlison
  • 11. Antony
  • 12. Brenno
  • 13. Dani Alves
  • 14. Bruno Fuchs
  • 15. Nino
  • 16. Abner
  • 17. Douglas Augusto
  • 18. Matheus Henrique
  • 19. Reinier
  • 20. Claudinho
  • 21. Gabriel Martinelli / G. Martinelli
  • 22. Lucão

Confira os duelos da fase de grupos do Brasil no futebol masculino em Tóquio 2020:

  • 1ª rodada

Brasil x Alemanha

Estádio Yokohama

Data: 22 de julho

Horário: 5h30 (de Brasília)

  • 2ª rodada

Brasil x Costa do Marfim

Estádio Yokohama

Data: 25 de julho

Horário: 5h30 (de Brasília)

  • 3ª rodada

Brasil x Arábia Saudita

Estádio Saitama

Data: 28 de julho

Horário: 5h (de Brasília)