Suspeito de tentar matar enteado sufocado é preso em Curitiba

Um fisiculturista, de 38 anos, foi preso nesta sexta-feira (2), pelo 12º Distrito Policial, em Santa Felicidade, em Curitiba. O homem é acusado de tentar matar o enteado, de dois anos, sufocado com um travesseiro no dia 14 de agosto.

O caso foi denunciado pela mãe da criança, que mantinha um relacionamento com o fisiculturista e viu a cena ao sair do banheiro.

A prisão do suspeito foi decretada na quinta-feira (1º).

O caso

A mãe da criança fez a denúncia no dia 22 de agosto. A mulher conta que preparou a mamadeira para o filho e o deixou na cama do casal. Em seguida, foi tomar banho. Ela relata que chegou a ligar o chuveiro, mas não entrou.

Ela saiu e viu o marido debruçado em cima do bebê, segurando um travesseiro no rosto da criança.

Depois do ocorrido, ela pegou os filhos e foi embora da casa. O fisiculturista mandou uma mensagem para ela dizendo que não queria matar ninguém, mas que seria um tentativa de educar a criança.

De acordo com o advogado de defesa da vítima, o casal começou a namorar em junho de 2021. Eles casaram em abril deste ano. Além da criança de dois anos, ela também tem um filho mais velho, de 11 anos. Já o fisiculturista tem uma filha, de 3 anos.

Não há imagens das agressões. Mas as outras crianças teriam testemunhado o ocorrido.