Mulher confessa que mandou matar marido por sofrer agressões

Durante depoimento na quinta-feira (21), Roseli, esposa de Alex Maciel Camargo, confessou que mandou matar o marido. O comerciante, 45 anos, foi morto a tiros no domingo (17), perto de casa, em Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba. A vítima havia saído comprar salgadinho para a filha.

O depoimento de Roseli, 28 anos, durou cerca de quatro horas. De acordo com o delegado, a mulher disse que sofria muitas agressões de Alex e que essa seria a motivação do crime.

A suspeita teria pago R$ 1.500 para dois adolescentes realizarem o assassinato. No entanto, os dois foram apreendidos em Santa Catarina semanas antes do crime. Por essa razão, os adolescentes repassaram o serviço para Matheus, 18 anos.

Para Matheus teriam sido adiantados R$ 156 pelo crime. O jovem está foragido.

O casal estava junto desde 2010. Durante esse tempo, Roseli fez dois boletins de ocorrência relatando agressões. O primeiro foi em 2013, onde ela diz que sofreu tapas, empurrões e xingamentos. O segundo boletim foi feito em 2014, no qual Roseli relata que sofreu outras agressões de Alex.

Após terminar o depoimento, Roseli foi embora. O delegado explicou que ela não ficou presa porque já não havia flagrante. Por enquanto, a mulher irá responder o julgamento em liberdade. A polícia pode fazer o pedido de prisão preventiva.

O caso continua sendo investigado.

Leia mais