Lote extra acelera vacinação contra a Covid-19 em regiões de fronteira no Paraná

Foz do Iguaçu deve ser um dos primeiros municípios a terminar a aplicação da primeira dose da vacina contra a covid-19 na população adulta. Essa expectativa iniciou por conta da destinação de lote extra de vacina para o município e outros três da região de fronteira no Paraná: Barracão, Guaíra e Santo Antônio do Sudoeste. A estratégia é controlar a circulação de novas variantes, como a delta, nessas regiões em que há maior circulação de pessoas.

Nesta quarta-feira (21), adultos com 28 anos ou mais serão imunizados na cidade, enquanto a vacinação caminha na faixa dos 30 desde o fim de semana.

Foz do Iguaçu tem a fronteira mais movimentada do país. Um levantamento feito pelo Consulado do Paraguai na cidade indica que pelo menos 98 mil brasileiros moram no país vizinho, com trânsito intenso pela Ponte da Amizade. Diante dessa realidade, a Secretaria de Estado da Saúde solicitou 90 mil doses a mais para esses quatro municípios, o que possibilitará concluir esse primeiro ciclo. O governo federal acatou a sugestão e 45 mil já foram encaminhadas. 

Calendário

O Ministério da Saúde estima que a população adulta receba pelo menos uma dose, ou dose única, até o final de setembro. O calendário da pasta coincide com as datas divulgadas pelo Governo do Paraná.

Informações da AEN