Família de jovem morta pelo marido pede ajuda para fazer translado do corpo

O sofrimento da família de Diene Silva de Brito ainda está longe de acabar. Depois de receberem a notícia da morte brutal da jovem, os familiares agora lutam para conseguirem levar o corpo da jovem até o Pará, estado de origem dela, para as cerimônias de velório e sepultamento.

Veja como ajudar a família de Diene:

  • Conta bancária
  • Ag: 04525
  • Conta poupança: 776102027-3
  • Caixa Econômica Federal: op. 13
  • Nome: Maria do Carmo Pereira da Silva (mãe)
  • Conta bancária
  • Ag: 1637-3
  • Conta poupança: 105.081-8
  • Banco do Brasil: op. 51
  • Nome: Iolene da Silva Pinheiro Muniz (sobrinha)

A jovem tinha voltado do Norte do país há pouco tempo. Sofrendo de uma depressão, Diene passou dois meses com a mãe, mas foi convencida pelo esposo, Samuel Bezerra, a voltar para Colombo, na região metropolitana de Curitiba. O casal tinha brigas constantes por causa de ciúmes – ela desconfiava que era traída por Samuel e as discussões eram frequentes.

A suspeita é de que Diene tenha sido morta nos últimos dias de 2021, mas o corpo só foi encontrado no fim de semana. Samuel Bezerra, de 26 anos, se apresentou por livre e espontânea vontade e, durante depoimento ao delegado Herculano Abreu, disse que matou Diene com uma facada no peito e alegou legítima defesa.

Samuel irá responder em liberdade por feminicídio.

Leia também