Ana Júlia volta a tomar posse na Câmara de Curitiba na terça-feira

A Câmara Municipal de Curitiba (CMC) convocou a primeira suplente do PT, Ana Júlia Ribeiro, para assumir a cadeira vaga devido à cassação do mandato de Renato Freitas, por decisão da maioria do plenário, no dia 5 de agosto. A estudante universitária será empossada na sessão plenária da próxima terça-feira (23), no Palácio Rio Branco.

Com Ana Júlia, a bancada feminina fica com nove vereadoras e será a maior da história da Câmara de Curitiba. Aos 22 anos de idade, ela será a vereadora mais nova da 18ª legislatura. Também é a segunda mulher mais jovem a assumir uma cadeira na Casa: parlamentar da 1ª legislatura, Maria Olympia Carneiro Mochel tinha 21 anos.

Ana Júlia chegou a ser empossada em 4 julho. No dia 7, entretanto, em função de decisão judicial, Freitas retomou o mandato e Ana Júlia retornou à suplência. Após novas sessões especiais, nos dias 4 e 5 de agosto, o plenário confirmou a cassação do mandato de Freitas por 23 a 7 votos, além de uma abstenção. A resolução 5/2022, que decretou a perda do mandato, foi publicada no Diário Oficial do Município (DOM) de 10 de agosto. No dia 11, ato da Mesa Diretora declarou vaga uma das 38 cadeiras de Curitiba.

Estudante universitária, Ana Júlia cursa Direito na Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) e Filosofia na Universidade Federal do Paraná (UFPR). Ela foi uma das lideranças estudantis secundaristas durante as ocupações dos colégios estaduais, em 2016, em oposição à Reforma do Ensino Médio e à Emenda Constitucional 95/2016.

Confira mais opções de imagens no Flickr da CMC. A sessão plenária começa às 9 horas e a solenidade de posse ocorrerá entre o espaço do pequeno expediente e a votação dos projetos de lei.

Informações da Câmara de Curitiba.