Ex-policial civil que matou copeira em festa é condenada a 14 anos de prisão

Kátia das Graças Belo foi condenada a 14 anos e três meses de prisão pela morte da copeira Rosaira Miranda da Silva, em uma festa em 2016. O júri foi finalizado nesta quinta-feira (26).

A ex-policial civil é acusada de matar Rosaira com um tiro no dia 23 de dezembro de 2016 no bairro Centro Cívico, em Curitiba. A vítima participava de uma confraternização de fim de ano e Katia teria se incomodado com o barulho. De dentro de seu apartamento, ela teria atirado na direção do imóvel vizinho, onde ocorria a festa, e o tiro atingiu a copeira na cabeça.

Veja os detalhes da condenação na reportagem do Primeiro Impacto PR:

Leia também: